SMSBVC - Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo

servicos_online
Viana do Castelo recebe galardão de “Qualidade de serviço de saneamento de águas residuais urbanas”

premio 2 3326

Os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo (SMSBVC) acabam de vencer a categoria de “Qualidade de serviço de saneamento de águas residuais urbanas prestado aos utilizadores”, no âmbito da atribuição anual dos Prémios de Qualidade de Serviço em Águas e Resíduos 2014 da ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos e do jornal Água&Ambiente.

A distinção foi revelada ontem na 9ª Expo Conferência da Água em Lisboa, sendo que a concurso estavam também nomeados a Águas de Alenquer e a Águas de Valongo. Segundo a organização, os SMSBVC apresentam “um bom desempenho em todos os indicadores relativos à sustentabilidade ambiental”, sendo que esta entidade gestora, que opera numa rede de recolha e drenagem com cerca de 470 quilómetros de coletores e que permite o encaminhamento para tratamento de três milhões de metros cúbicos de águas residuais, assegura ainda o valor de “100 no índice de conhecimento infraestrutural e de gestão patrimonial”.

De sublinhar que os Prémios de Qualidade de Serviço, na área da água, visam distinguir aquelas entidades gestoras que, além de cumprirem os critérios de atribuição do correspondente selo de qualidade do serviço, revelem um especial desempenho ou uma melhoria significativa nesse mesmo desempenho.

A atribuição dos prémios baseia-se numa avaliação quantitativa e qualitativa da informação constante dos Relatórios Anuais dos Serviços de Águas e Resíduos em Portugal editados pela ERSAR nos últimos anos, sem prejuízo de informação adicional que o júri entenda utilizar. O júri é composto por representantes das entidades organizadoras e parceiras: Jaime Melo Baptista, presidente da ERSAR (que preside), Maria João Rosa, do LNEC, José Manita Vaz, da APDA, Graça Lopes, da APESB e Luís Mesquita David, da APRH e Joana Filipe, do jornal Água&Ambiente.

A parceria entre a ERSAR e o jornal Água&Ambiente, conta com a colaboração da Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA), da Associação Portuguesa de Engenharia Sanitária e Ambiental (APESB) e da Associação Portuguesa dos Recursos Hídricos (APRH) – e do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) e tem como objetivo “identificar, premiar e divulgar casos portugueses de referência relativos à qualidade dos serviços de abastecimento público de água, saneamento de águas residuais urbanas e gestão de resíduos urbanos, contribuindo para a melhoria da qualidade do serviço prestado aos cidadãos”.

Gabinete de Imprensa

Câmara Municipal de Viana do Castelo

 
Bandeira Azul

bandeiraazulEm 2014, o concelho de Viana do Castelo vai hastear em 10 praias da sua costa, a Bandeira Azul, símbolo de qualidade e excelência, atribuído pela ABAE – Associação Bandeira Azul da Europa. A Bandeira Azul é atribuída às praias e aos portos de recreio que cumpram um conjunto de critérios, designadamente, de informação e educação ambiental, qualidade da água, gestão ambiental e equipamentos, de segurança e serviços.

As praias de Afife, Amorosa-Chafé, Amorosa-Chafé Sul, Arda/Bico, Cabedelo, Carreço, Pedra Alta-Castelo de Neiva, Ínsua, Paço-Carreço e Paria Norte vão hastear a Bandeira Azul (anexar a portaria).

A beleza destes locais, com amarelo dourado da areia e azul forte do mar, envolve-se com o verde das serras, numa paisagem ímpar.

 

 
Viana do Castelo avança com projeto de compostagem domiciliar

O Município de Viana do Castelo, através do Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental (CMIA), está a desenvolver um projeto de promoção da valorização de resíduos sólidos orgânicos. Designado “Da terra para a Terra”, o projeto começou com uma componente experimental de compostagem nas escolas e evoluiu para uma vertente pedagógica de promoção de hortas escolares, permitindo que os alunos acompanhassem o ciclo de vida da matéria orgânica, sendo que agora avança para a compostagem domiciliar.
O projeto, que começou em 2007, passou pela fase junto da comunidade escolar e, em 2009, avançou para a recolha seletiva dos resíduos orgânicos produzidos nas cantinas escolares, que são valorizados na Central de Compostagem da Lipor, processo que se alargou em 2010 à restauração e frutarias sendo esta tarefa assumida pelos Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento Básico (SMSBVC). Paralelamente, foi efetuada a recolha seletiva de óleos alimentares usados nas escolas e ampliação da rede de recolha seletiva destes resíduos com a distribuição de oleões em todas as escolas do concelho e em alguns ecopontos na via pública, sendo a RESULIMA a entidade responsável pela sua recolha.

Continuar...
 


Pág. 5 de 25

Acessos Rápidos

factura electrónica

factura

tarifarios

leituras

Piquete

Piquete

 

reduza_consumo

Autenticação Funcionários

Menu principal

Subscrever Newsletter


SMSBVC - Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo © 2009 Desenvolvido por José Costa